Escala de visita ao leito do paciente

UFPR Escala de visitas      
Segunda Terça Quarta Quinta Sexta
Grupo Trauma Esporte Grupo Pediátrica Grupo Coluna Grupo Trauma Esporte Grupo Pediátrica
Dr. Namba Dr. Cunha Dr. Xavier Dr. Edmar Dr. Edilson
Anúncios

Novo modelo de escala da Residência de Ortopedia HC-UFPR

ESCALA DA RESIDÊNCIA DE ORTOPEDIA HC-UFPR

 

–       Mudança do rodízio de grupos para escala semanal de atividades.

–       Todos os residentes (R1, R2 e R3) serão distribuídos semanalmente em 3 postos de trabalho:

  • Enfermaria: admissão, evolução, prescrição e altas; resposta de pedidos de consulta; atendimentos emergenciais no PA e intercorrências na enfermaria; participação em cirurgias de emergência (quando fora do período regular do centro cirúrgico – noite e fins de semana), preparo e apresentação das cirurgias na reunião clínica.
  • Ambulatório: atendimento de todos os ambulatórios gerais e de especialidades da ortopedia; inclusão de pacientes no aguarda-vaga; planejamento das cirurgias a serem realizadas na próxima semana (incluindo preenchimento de AIH, aviso de cirurgia, solicitação de materiais, vaga de UTI, etc.).
  • Centro cirúrgico: participação em todas as cirurgias realizadas durante a semana; entrega dos avisos de cirurgia previamente preenchidos; avaliação pós-operatória dos pacientes (incluindo cuidados com curativo, exames, etc., em conjunto com os residentes da enfermaria).

–    A escala será progressiva, da seguinte forma:

 

 

 

–    Aulas de especialidades: todos os residentes que não estiverem em cirurgia ou no ambulatório deverão participar das reuniões clínicas das diferentes especialidades (joelho, quadril, tumor, etc.).

–   Atendimento de intercorrências/emergências durante a noite e fins de semana: serão realizados de forma alternada entre os residentes (R1, R2 e R3) da enfermaria.

–    Na ausência de atividades a serem desempenhadas na enfermaria, o respectivo R2 permanecerá no ambulatório, enquanto o R3 permanece na enfermaria.

–    Modelo de escala: